Você já ouviu falar em Nibling?Ele pode atrapalhar a perda de peso.

//Você já ouviu falar em Nibling?Ele pode atrapalhar a perda de peso.

O Nibling é um transtorno alimentar não especificado caracterizado pelo excesso comportamental de beliscar alimentos. Ele acontece com mais frequência em pessoas que fazem dietas excessivas, que são extremamente ansiosas, que já fizeram cirurgia bariátrica ou que estão em uso de balão intragástrico.

O comportamento de beliscar alimentos, por muitas vezes sai do estado de consciência. Esse ato proporciona à pessoa uma sensação de prazer através do alimento sem que se sinta culpada. Por achar que está consumindo algo pequeno e sem valor calórico significativo, a pessoa se sente mais a vontade e acaba retomando a busca pelo alimento repetidas vezes.

Contudo, é importante ressaltar que é um grande engano pensar que consumir pequenos alimentos repetidas vezes ao dia não engorda. Estamos falando de qualidade e não só quantidade. Normalmente, esses pequenos alimentos que ficam expostos aos nossos olhos e são de fácil acesso são muito mais calóricos que um bom prato de comida.

Por isso algumas pessoas engordam e não sabem o porque. Achando que por não fazerem as refeições principais de forma excessiva já é o bastante. Isso acaba gerando mais ansiedade e fome, daí em diante, a procura por um petisco é constante.

Eu tenho hábito de beliscar alimentos. Será que eu tenho Nibling?

O diagnóstico do transtorno alimentar Nibling é feito a partir da frequência que o comportamento de beliscar alimentos acontece. Levamos em consideração, por exemplo a repetição comportamental diária e o tempo em que o indivíduo têm apresentado os sintomas.
Então, agora que você já entendeu do que estamos falando, pare, pense e reflita sobre como você está se comportando em relação à comida. Apesar do “beliscar”ser um hábito corriqueiro para muitas pessoas, ele pode ser muito sério e prejudicar a saúde física e emocional.

Como lidar com o Nibling?

Uma das maneiras de lidar com o comportamento beliscador, é tentar minimizar a possibilidade de criar um problema:
1. Procure se sentar para comer, isso ajuda a não pegar pequenas porções aleatórias
2. Preste atenção no que está comendo, isso requer não se alimentar na frente da televisão, computador ou celular
3. Não deixe porções de alimentos à vista em cima da mesa, fogão entre outros. Isso facilita você não se render à busca.
3. Guarde esses alimentos em lugares altos e fechados de preferência
4. Evite comprar balas, torradas, biscoitos, pães de queijo, entre inúmeros outros alimentos que além de hipercalóricos, são fáceis de beliscar
5. Procure fazer todas as refeições nas horas certas. Sentir fome aumenta a vontade de beliscar.
6. Quando estiver muito ansioso e quiser comer algo, busque por algo duro e pouco calórico como a cenoura. O “croc croc” que a cenoura faz quando mastigada, diminui a ansiedade.

Caso você perceba dificuldades em lidar com esse comportamento, procure auxilio profissional especializado. A terapia cognitiva comportamental pode te ajudar a criar métodos para lidar melhor com esse comportamento, além de identificar os gatilhos que levam a essa procura.

Gabriella Ciardullo
Psicóloga

Nenhum comentário ainda.

Deixe seu comentário

Seu email não será divulgado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.